segunda-feira, 15 de agosto de 2016

"15 de Agosto"

"A cena evangélica deste dia é tocante, um quadro belíssimo: duas mulheres d'esperanças! O diálogo bíblico entre duas mulheres d'esperanças, para ver se percebemos que foi para a Esperança que fomos chamados pela trombeta jubilar que abre o Novo Testamento. A Esperança da Gloriosa Liberdade dos filhos de Deus, a Liberdade que se funda na Justiça e na Paz sem vencedores nem vencidos.

Duas mulheres d'esperanças são o quadro-moldura do Hino da Revolução Messiânica, mais conhecido como Magnificat, para ver se percebemos que ESTA é a Esperança a que fomos chamados, porque é preciso que Deus Reine. Porque precisamos que Deus Reine. Porque precisamos, para nossa salvação, de sermos salvos dos nossos desmandos, arrogâncias, opressões e tiranias.

Duas mulheres d'esperanças... fascina-me, há muito, este quadro! E no dia em que tantas vezes dizemos a palavra "Assunção", percebamos que foi nesta Esperança que fomos ASSUMIDOS, foi nesta Narrativa d'esperanças que fomos Inscritos, é para o Mundo Novo cantado profeticamente no Magnificat que fomos ConVocados."

SHALOM
 (Padre Rui Santiago)

Derrotar Montanhas

Nenhum comentário: